Contrato terapêutico

O contrato terapeutico é um conjunto de regras que visam proteger o espaço de consulta (setting) nos seus mais diversos aspectos, tais como: direitos e deveres dos pacientes e do psicoterapeuta.

O processo de psicoterapia é um compromisso entre duas pessoas ( terapeuta e paciente), que compreende a existência de algumas normas que focam os seguintes aspectos:

  • Confidencialidade
  • Cumprimento de horários
  • Pagamentos e faltas às sessões
  • Férias
  • Liberdade de desistência
  • Horário das sessões
  • Telefonemas e contactos de urgência

O contrato terapeutico é estabelecido na primeira sessão, quer para o processo da psicoterapia, ou para outra modalidade (psicoterapia breve, consulta terapêutica etc), ficando acordado o número de sessões semanais (uma ou mais), a duração do tratamento no tempo, e as faltas às sessões.

O contrato terapeutico é uma formalidade verbal, que serve para, por exemplo, a hora do paciente ficar reservada, ou o terapeuta não ficar com a hora vaga se o paciente resolver abandonar o tratamento sem dar justificação.

Cancelamentos

A hora que acordar com a psicoterapêuta fica reservada para si, quando estabelecer o contrato terapêutico. Se por qualquer motivo cancelar uma sessão durante o processo, esta será paga de igual forma.

966 860 680 lidia.craveiro@gmail.com
Consultório de Psicologia
@ 2019 Todos os direitos reservados